sábado, 8 de abril de 2006

COMO FUNCIONA O ABORTO MEDICAMENTOSO!


ATENÇÃO CLIENTES.
Como funciona um aborto com o Cytotec em combinaçao com Arthrotec ou artrorec?
Medicamentos usados atualmente para um processo abortivo seguro: ARTHROTEC 200 mcg de Misoprostol e 75 MG de diclofenaco) e CYTOTEC (misoprostol 200Mcg).
Cytotec já é usado a muito tempo p/ fins de aborto. Mas o uso isolado de Misoprostol é considerado menos eficiente (resulta em 84% dos casos até às 24 semanas), além de implicar um processo de interrupção da gravidez mais prolongado e mais doloroso, com mais dores gastrintestinais Para um Aborto Seguro estão sendo usadas duas medicações para processo de abortamento clínico:
Arthrotec e Misoprostol. O primeiro mata o feto e o segundo expulsa o mesmo. Esses agentes causam abortamento pelo aumento da contratilidade uterina, tanto por reverterem a inibição da contração induzida pelo progesterona (arthrotec) quanto por estimularem diretamente o miométrio (Misoprostol).
Um número crescente de mulheres, na Europa e nos Estados Unidos, prefere o uso associado de Arthrotec e Misoprostol à interrupção cirúrgica, por considerá-lo um "método mais natural e seguro, livre de infecções". A recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS). Sustenta-se nas taxas de sucesso do método, avaliada em 98%. Apenas 2% a 5% das mulheres tratadas com esta associação farmacológica necessitam de posterior cirurgia para resolver um aborto incompleto ou controlar o sangramento.
O ARTHROTEC MATA O FETO, ENQUANTO QUE O CYTOTEC EXPULSA O MESMO.OS DOIS COMBINADOS É ABORTO 100%.
NOME GENÉRICO: diclofenac e misoprostolNOME DE TIPO: Arthrotec ou ArtrorecCLASSE E MECANISMO DA DROGA: Arthrotec é uma combinação do diclofenac e do misoprostol. Diclofenac é uma droga anti-inflamatoria nonsteroidal (NSAID) similar ibuprofeno (Motrin; Advil), naproxen (Naprosyn), e outros. Diclofenaco, como o outro trabalho de NSAIDs inibindo a produção dos prostaglandins. Os Prostaglandins são uma família relacionada dos produtos químicos que são produzidos pelas pilhas do corpo e têm diversas funções importantes. Promovem o inflammation, a dor, e a febre, suportam a função dos platelets que são necessários para clotting do sangue, e protegem o forro do estômago dos efeitos prejudiciais do ácido. Os Prostaglandins são produzidos pelo cyclooxygenase do enzyme (Cox). Há realmente dois enzymes de Cox, Cox-1 e Cox-2. Ambos os enzymes produzem os prostaglandins que promovem o inflammation, a dor, e a febre. Entretanto, somente Cox-1 produz os prostaglandins que suportam platelets e protegem o estômago. Diclofenac obstrui ambos os enzymes de Cox e reduz prostaglandins durante todo o corpo. Consequentemente, o inflammation, a dor, e a febre ongoing são reduzidos. Desde que os prostaglandins que protegem o estômago e suportam os platelets e o sangue que clotting também são reduzidos. Misoprostol é um prostaglandin (sintético) sintético que estimule o secretion do mucus no intervalo gastrointestinal. O Mucus protege o forro do estômago do ácido. Misoprostol foi mostrado para reduzir a freqüência dos ulcers do estômago causado por NSAIDs. Arthrotec foi aprovado pelo FDA em dezembro, 1997.
DISPONÍVEL GENÉRICO: Não
PREPARAÇÕES: Tabuletas (diclofenac/misoprostol): Arthrotec 50 (50 mg/200 µg), Arthrotec 75 (µg 75 mg/200).ARMAZENAMENTO: As tabuletas devem ser mantidas na temperatura de quarto, 15-30°C (59-86°F).PRESCRITO PARA: Arthrotec é usado tratando sinais e sintomas do arthritis rheumatoid ou da osteodistrofia nos pacientes em risco para ulcers tornando-se de NSAIDs.DOSING: Para a osteodistrofia o dose recomendado é Arthrotec 50 dado o diário de três vezes. Os pacientes que não podem tolerar este regimen podem ser tratados com o Arthrotec 50 ou 75 duas vezes por dia. A dose recomendado para tratar o artritis reumatoidis é Arthrotec 50 dado o diário das épocas 3-4. Se este regimen não for tolerado, Arthrotec 50 ou 75 duas vezes um dia pode ser usado.
Fazer exame de Arthrotec com alimento pode reduzir a virada do estômago. Recomenda-se que Arthrotec não ser feito exame com álcool por causa do risco aumentado para ulcers.GRAVIDEZ: Desde que o misoprostol pode causar abortions, Arthrotec não deve ser usado pelas mulheres que são grávidas. Evitar a gravidez para 1 mês ou 1 ciclo menstrual após Arthrotec interrompendo.EFEITOS LATERAIS: Arthrotec tem os efeitos laterais do diclofenac e do misoprostol. Os efeitos laterais os mais comuns são dor, diarrhea, dyspepsia, nausea e flatulence do estômago. O Diarrhea e a dor abdominal podem resolver após 2-7 dias. O magnésio que contem anti-ácidos worsen o diarrea causado pelo misoprostol. Fazer exame de Arthrotec com alimento e evitar os anti-ácidos que contêm o magnésio podem reduzir a ocorrência do diarrhea. A mulher nunca deve auto-induzir um aborto se estiver grávida há mais de 16 semanas.O Misoprostol causa contracções no útero. Como consequência, o útero expele o produto da gravidez. A mulher pode ter dores fortes, hemorragia mais intensa do que na menstruação normal, náuseas, vómitos e diarreia. A mulher corre o risco de hemorragia muito forte; se assim acontecer, tem de ser assistida por um médico.O aborto com Misoprostol resulta em mais de 80% dos casos.O Misoprostol não encontra-se à venda nas farmácias de todos os países. A experiência do aborto com Misoprostol pode ser comparada à do aborto espontâneo. O aborto espontâneo dá-se em 10% das gravidezes.Os riscos de um aborto induzido pelo Misoprostol são semelhantes aos de um aborto espontâneo.No caso de complicações, o tratamento é igual ao do aborto espontâneo. Se surgir algum problema, a mulher pode sempre ir ao hospital ou recorrer a um médico. O médico procederá como se tivesse havido um aborto espontâneo.Disponibilizamos em seguida alguma informação importante e que deve ser lida por todas as mulheres que desejam induzir o aborto com o Misoprostol.PRECAUÇÕES:O Misoprostol nunca deve ser usado sem aconselhamento médico num país onde o aborto é legal.A mulher deve certificar-se de que está grávida.Basta fazer um teste de gravidez ou uma ecografia.O Misoprostol só deve ser usado quando a mulher está 100% segura de que quer pôr termo à gravidez. A mulher deve tentar fazer uma ecografia antes de usar o Misoprostol.A ecografia permite ver se a gravidez ocorre no útero e saber de quantos meses a mulher está grávida.O Misoprostol nunca deve ser usado após 16 semanas de gravidez.Uma gravidez de desesseis semanas significa que passaram 120 dias após o primeiro dia da última menstruação. Se a mulher achar que tem uma gravidez superior a 16 semanas, ou se a ecografia assim o confirmar, não aconselhamos o uso do Misoprostol a não ser sob supervisão médica.Uma mulher nunca deve estar sozinha ao induzir o aborto.É importante que a mulher esteja acompanhada ao induzir o aborto. Pode ser o companheiro, um(a) amigo(a), ou familiar, mas a mulher deve estar com alguém que tenha conhecimento do aborto e que possa ajudar no caso de haver complicações. Quando a hemorragia começa, é necessário que a mulher esteja em contacto com alguém que possa ajudar no caso de surgirem complicações.Não tome drogas ou álcool durante o tratamento!!! O Misoprostol não deve ser usado se existir a hipótese de gravidez ectópica (extra-uterina).A gravidez ectópica (ou extra-uterina) não ocorre no útero, mas na trompa de Falópio. Este é um pequeno órgão situado entre o útero e o ovário. Uma gravidez ectópica pode ser detectada através de uma ecografia. Nesse caso, é necessária a intervenção de um ginecologista para proteger a saúde da mulher. Se a mulher não for tratada, corre o risco de forte hemorragia interna devido à ruptura da trompa de Falópio.Qualquer ginecologista em qualquer país, mesmo nos países onde o aborto é ilegal, trata este tipo de situação. Uma gravidez ectópica não pode ser tratada com Misoprostol.O Misoprostol nunca deve ser usado nos casos em que a mulher tem inserido um dispositivo intra-uterino (DIU).O DIU é um contraceptivo, uma pequena espiral de 3 cm inserida pelo médico no útero da mulher para evitar a gravidez. Uma mulher que tem o DIU inserido e está grávida deve fazer uma ecografia, pois o risco de uma gravidez ectópica é maior. Se a gravidez estiver a ocorrer no útero, é necessário que o DIU seja removido antes do aborto.É possível que a tentativa de aborto com o Misoprostol não resulte.A possibilidade de o aborto resultar com o Misoprostol é apenas de 80 %. O tratamento falha quando o medicamento não causa qualquer hemorragia ou se, apesar de haver hemorragia, a gravidez prossegue. A mulher pode usar de novo o medicamento dentro de alguns dias, mas pode acontecer que não resulte.No caso de o aborto não ocorrer passados 7 dias da utilização do Misoprostol, e não havendo um médico disposto a ajudar, só resta à mulher realizar um o aborto em umaclinica.Qualquer infecção sexualmente transmissível deve ser tratada.A mulher deve comprar, no mínimo, 06 comprimidos de Misoprostol com 200 mcg. Um comprimido de Cytotec ou Arthrotec deverá conter 200 microgramas de Misoprostol. Veja a dosagem do Misoprostol na embalagem. Normalmente, os comprimidos contêm 200 mcg, mas existem outras dosagens. Se os comprimidos tiverem uma dosagem diferente, faça o cálculo do número de comprimidos suficiente para perfazer o mesmo total de Misoprostol.A taxa de sucesso é de 80% - 90%.Após a primeira dose de Misoprostol, a mulher deverá sangrar e sentir dores. A hemorragia começa normalmente 4 horas depois da utilização dos comprimidos, mas, por vezes, mais tarde. A hemorragia é muitas vezes o primeiro indício de que o aborto começou. Se o aborto continuar, a hemorragia e as dores tornam-se mais intensas. O fluxo da hemorragia é muitas vezes maior e mais intenso do que na menstruação normal, e acontece expelirem-se coágulos de sangue. Quanto mais avançada a gravidez, mais fortes serão as dores e a hemorragia. No final do aborto, as dores e a hemorragia diminuem. O momento do aborto pode ser identificado com o pico da hemorragia, dores e contracções, que se tornarão mais intensas. Um pequeno saco gestacional, com alguns tecidos em volta, pode ou não ser visível dependendo do tempo de gravidez. Por exemplo, se a mulher estiver grávida de apenas 5 a 6 semanas, o saco gestacional não será visível. Com nove semanas, a mulher poderá provavelmente encontrar o saco no meio do sangue.Depois de ter usado o Misoprostol e de começar a ter hemorragias, a mulher pode ir ao médico ou ao hospital e dizer que teve um aborto espontâneo (nunca deve dizer que usou o Misoprostol nem que tentou provocar um aborto!!) Provavelmente, o médico fará uma ecografia e depois uma aspiração por vácuo. O tratamento de um «aborto espontâneo em curso» não é ilegal.Se a mulher não tiver a certeza de que conseguiu abortar após ter utilizado a segunda dose de Misoprostol, pode usar mais 4 comprimidos 24 horas depois. Quando a mulher não tem qualquer hemorragia após a terceira dose, significa que não houve aborto. Pode tentar outra vez uns dias depois ou terá de viajar para um país onde o aborto é legal, ou, ainda, tentar de novo consultar um médico.Para aliviar as dores, a mulher pode usar analgésicos como o Paracetamol.Hemorragia pós-abortoA hemorragia continua ligeiramente durante uma a duas semanas após o aborto, por vezes menos, outras vezes mais. A menstruação volta normalmente passadas quatro a seis semanas.Confirmação do abortoAlgumas mulheres perdem sangue, mas não têm um aborto. Como tal, é importante que a mulher se certifique de que o aborto realmente ocorreu. Pode demorar duas a três semanas até que o teste de gravidez se revele negativo. Se possível, a mulher deve fazer uma ecografia uma semana após o aborto para ter a certeza de que o útero está vazio.